Um Réveillon diferente

Este ano teremos uma virada de ano atípica devido a pandemia do novo coronavírus as festas de final de ano em sua maioria foram canceladas ou foram adequadas as novas realidades.

As tradicionais viradas de ano com queima de fogos sobretudo nas cidades do do litoral brasileiro não irão acontecer, tais festas costumam reunir milhares de pessoas e neste período seria tecnicamente inviável. Grandes cidades como Rio de janeiro, Salvador, Aracajú cancelaram seus eventos. Em salvador uma medida extra de contenção foi tomada, o prefeito ACM Neto mandou cercar as praias da Barra onde geralmente acontece as festas. “A orla da Barra será interditada a partir das 17h do dia 31. Trecho será fisicamente interditado para evitar aglomerações na virada do ano, no dia 1° pela manhã, a gente vai liberar a orla (calçadão), mas as praias não estarão liberadas no dia 1°, nós não vamos liberar as praias no dia 1°. Elas devem continuar fechadas, agora é impossível a gente interditar toda a orla”, disse o prefeito.”

As recomendações gerais é que as pessoas passagem a virada de ano em suas casas com poucas pessoas de preferência, membros da família.

Por Redação

Curso Completo para o Concurso de Simão Dias

Deixe uma resposta