Administração do novo prefeito de Fátima-BA começou com uma prestação de contas diferente à população, o mesmo fez uma “exposição” incomum

Um dia após a posse último no último sábado (02), os moradores do município de Fátima-BA, cidade que faz fronteira com Poço Verde em território sergipano, teve uma surpresa ao acordar se depararam com vários veículos em péssimas condições todos eles foram guinchados até o local da “exposição” no meio da praça centro da cidade.

A frota de veículos, ou melhor dizendo sucatas é da Prefeitura Municipal, que decidiu mostrar à população a situação dos mesmos, entre os veículos estavam ambulância e ônibus, maquinas que precisam de manutenção urgente. A “exposição” é para justificar a impossibilidade de atender a população nos serviços que dependem da frota.

A “exposição” contou com 25 veículos, contendo duas ambulâncias, uma Doblò, oito carros de passeio, um caminhão pipa, uma caçamba com pneus estourados ,uma retroescavadeira, uma enchedeira, duas maquinas patrol, dois veículos de iluminação estando um sucateado, quatro micro ônibus pequeno, e dois grandes, todos os veículos sem manutenção mecânicas.

Segundo informações, as baterias dos carros sumiram, e os veículos que estavam rodando normalmente até a semana passada, apareceram com os pneus estourados. Inclusive alguns carros estavam com rodas de outras marcas (um indício de que os pneus foram trocados).

A ideia de expor a situação da frota foi da própria prefeitura, essa foi a forma encontrada pelo Executivo de justificar para a população, uma espécie de prestação de contas antecipada. “Uma imagem fala mais que mil palavras”, se fala muito isso, pois é o que se ver nessas fotos tiradas no recebimento do patrimônio do município de Fátima pela equipe da nova gestão Binho e Gilvan, ambos que tomaram posse nos primeiros minutos do dia 1 de janeiro de 2021.

É o patrimônio público tratado com descaso, o dinheiro do povo indo para o ralo da má administração. É como se tivesse passado um tsunami, deixando um cenário de horrores. A situação é tão crítica que muitos dos veículo apresentados se quer tem conserto, não sendo viável o investimento, alguns são recuperáveis e foi esse o compromisso assumido pelos novos mandatários da cidade, tentar recuperar, embora isso demanda um determinado tempo e é preciso saber de onde virá o dinheiro para os reparos.

Por SimaoDiasComoEuVejo.com.br

Fonte: Prefeitura Municipal de Fátima-BA

Deixe uma resposta