Simão Dias: Povoado Curral dos Bois localidade distante da sede do município é um desafio para a nova gestão

A comunidade tem muitos problemas a serem resolvidos, serviços de saúde, educação, transporte e infraestrutura

Foto: Arquivo Pessoal Sra. Gisela

O Povoado Curral dos Bois é um dos mais distantes da sede do município de Simão Dias, a comunidade fica a cerca de 26 km do centro da cidade, mas o acesso é complicado, boa parte do trajeto é feito por estradas de chão (sem pavimentação asfáltica), o povoado é carente de serviços públicos essenciais.

Nossa redação fez esta matéria a pedido do nosso seguidor Sr. Alisson Cruz que mora na capital, o mas que tem parentes no povoado, o mesmo fez contato conosco pelas redes sociais e relatou um pouco das dificuldades vividas pelos moradores da região. Segundo este seguidor, o povoado foi esquecido pelo poder público durante muito tempo e agora se tornou um grande desafio para a nova gestão resolver as demandas da comunidade também conhecida popularmente como “Vage”

Todas os problemas relatados pelo Sr. Alisson Cruz foi confirmado por nossa redação em uma conversa por telefone com a Sra. Gisela Reis, moradora da comunidade, a qual nos passou um panorama geral e nos apontou algumas demandas a serem resolvidas pela gestão municipal.

A sra. Gisela nos relatou que o posto de saúde está com um atendimento satisfatório, com presença regular de médicos e outros profissionais de saúde e que tem uma farmácia básica em fase de instalação, lembrando que a farmácia básica na localidade é de suma importância porque não existe nenhuma farmácia privada na região. E o deslocamento até a cidade é complicado devido a escassez de horários de transportes, a mesma deixou claro que a nova gestão já fez melhorias significativas na área da saúde, embora exista ainda demandas a serem resolvidas.

ainda segundo a moradora Sra. Gisela Reis, o serviço de transporte é insatisfatório porque os ônibus que seguem para a cidade em poucos horários, geralmente entre 05:00h e 07:00h da manhã, e voltando próximo de 12:00h, não sendo possível se deslocar até a cidade em outros horários a não ser que a pessoa possua transporte próprio, os ônibus que circulam na região são de propriedade de particulares que combinam entre si os horários, sem a intervenção do poder público, neste caso o transporte atende apenas o interesse dos proprietários dos ônibus, mas não atende de fato as necessidades das pessoas.

Sobre os serviços de educação a Sra. Gisela ainda nos informou que existe no povoado uma escola municipal que oferece os serviços da pré-escola até o 9º ano do ensino fundamental, mas a estrutura da escola está precisando de reformas.

Outra demanda da comunidade relatada pela Sra. Gisela é a água, a DESO – Companhia de Saneamento do Estado de Sergipe, não atende a região, dois poços artesianos atendem os moradores, mas os mesmos tem se mostrado insuficientes principalmente no verão, período em que naturalmente há um aumento no consumo de água, muitos moradores reservam água das chuvas em cisternas.

A infraestrutura geral está precisando de intervenções, a moradora informou de um determinado local que deveria ter uma praça, mas que a mesma nunca foi construída e ainda existem algumas ruas no povoado sem pavimentação.

Ligamos para as respectivas Secretarias Municipais que são responsáveis por cada problema relatado e recebemos as seguintes respostas:

Sobre as demandas na saúde, o Secretário de Saúde Dr. Renaldo Prata nos confirmou a melhorias no serviço de saúde e que a secretaria está estruturando melhor o sistema e que nos próximos dias novas melhorias serão anunciadas, informou ainda que junto com a sua equipe já fez uma avaliação do local (nos enviou fotos confirmando a visita) e que na próxima segunda-feira (08), fará outra visita ao local para ativar o serviço de distribuição de medicamentos da farmácia básica.

Sobre a estrutura da escola a Secretária de Educação Professora Ângela Siqueira, já tinha nos informado semana passada em entrevista que ao assumir a Secretaria de Educação ela recebeu várias escolas precisando de reparos e que isso já está sendo providenciado e que até o início das aulas presenciais as escolas dos povoados estarão em condições de uso.

Sobre os problemas relacionados a falta d’água o Secretário de Agricultura André Valadares informou que está programado a escavação de dois poços artesianos no Curral dos Bois, segundo o mesmo este foi um compromisso de campanha do Prefeito Cristiano Viana, a obra está programada para ser executa em março e abril deste ano.

E por fim sobre a infraestrutura geral e o serviço de transportes, o Secretário de Infraestrutura e urbanismo Ednei Souza nos informou que já está agendando para próxima terça-feira (09), um mutirão no povoado, no qual será feita uma limpeza geral, poda de árvores, reparos na iluminação pública e melhoria na estrada de acesso ao povoado e na oportunidade serão identificados outras possíveis demandas na infraestrutura e assim todas serão resolvidas, ressaltou que esse sistema de mutirão será feita em todos os povoados do município. Sobre a situação dos transportes o mesmo apresentou como alternativa conversar com os empresários proprietários dos ônibus para negociar a mudanças em alguns horários para dar mais opções de desolamento aos moradores do povoado e adjacências.

Por Reinaldo Valverde / SimaoDiasComoEuVejo.com.br

Deixe uma resposta