Belivaldo assina contrato com a TV Sergipe e lança a TV e Internet Patrocinada Estude em Casa

“Alunos e professores terão internet a partir de casa. Para isso, fizemos convênio com a Oi, com a Claro, Vivo, e assinamos contrato com a TV Sergipe, além das parcerias que já temos com a TV Aperipê e TV Alese. É a tecnologia sendo usada para o bem, principalmente, do jovem, da Educação, da Cultura, do Esporte”, explicou Belivaldo

Foto: Divulgação Governo de Sergipe

O governador Belivaldo Chagas lançou na tarde desta segunda-feira, 1º de março, o programa Internet Patrocinada Estude em Casa e a TV Estude em Casa SE. Na solenidade, também foi celebrada a assinatura do contrato entre o Governo do Estado, através da Secretaria de Educação e Cultura (Seduc) e a Rádio Televisão de Sergipe LTDA. 

As aulas da rede estadual serão veiculadas agora de forma ampla, massiva e abrangente. O serviço vai fornecer a aproximadamente 150 mil alunos e 9 mil professores da rede estadual de educação internet patrocinada, com pagamento a partir da fruição de dados diretamente no chip dos professores e alunos para acesso aos mais de 10 mil conteúdos pedagógicos no aplicativo Estude em Casa, plataforma desenvolvida para smartphones e dispositivos móveis com sistema operacional Android.

“Alunos e professores terão internet a partir de casa. Para isso, fizemos convênio com a Oi, com a Claro, Vivo, e assinamos contrato com a TV Sergipe, além das parcerias que já temos com a TV Aperipê e TV Alese. É a tecnologia sendo usada para o bem, principalmente, do jovem, da Educação, da Cultura, do Esporte”, explicou o governador Belivaldo Chagas.

O governador ainda comentou sobre a democratização do acesso à educação, feita nas plataformas de comunicação. “A gente procurou facilitar exatamente através de outros meios. Pode-se fazer o acesso via rádio, televisão aberta, e via aplicativos. Porque nem sempre se conseguia chegar em alguns interiores do Estado. Isso porque sinal X não chegava bem, sinal Y também não. Agora se tem a internet, tem rádio, televisão, e até canal aberto. Todos os dias e a qualquer hora pode-se buscar os mais diversos conteúdos, inclusive, recuperar o tempo perdido devido à pandemia”, disse Belivaldo.

Ao utilizar a plataforma pelo celular ou tablet, o aluno ou professor não terá custo. O secretário de Educação e Esporte, Josué Modesto dos Passos Subrinho, explicou que as despesas serão pagas pelo Governo do Estado. “O pacote de dados da internet patrocinada, cada vez que o nosso estudante ou professor acessar o aplicativo Estude em Casa, recebe uma mensagem que esses dados são de fornecimento gratuito para o usuário, ele é tarifado para Seduc, que paga para a operadora os custos equivalentes”.

“Estamos fazendo história. A pandemia acelerou o nosso processo tecnológico na educação. Ela fez com que nos adaptássemos para colocarmos a tecnologia não apenas no discurso, mas em prática na sala de aula. Espero que o aluno possa fazer bom uso dessa tecnologia, assim como o professor possa ter a possibilidade de realizar capacitações para trabalhar com a tecnologia”, disse o professor da Língua Portuguesa, Luciano Oliveira, do Centro de Excelência Dom Luciano.

Representando todos os alunos da rede estadual, a aluna do Colégio Gonçalo Prado Rollemberg, Raquel Lopez Prata Santos, destacou a importância do ensino remoto durante a pandemia. “Antes o acesso era um pouco limitado, já que cada um tem a sua realidade. Com esse programa, acho que vamos ter 100% de adesão”. 

Após assinar o contrato, a representante da TV Sergipe, Suelem Sá, salientou a redução do distanciamento entre alunos e professores. “Oficializar o uso de um dos nossos sinais, para todos os alunos de Sergipe de forma fácil, rápida e gratuita, é mais do que formalizar um negócio. A TV Sergipe, pelo canal 4.2, celebra a democratização do ensino e a quebra de barreiras entre alunos e professores”.

Fonte: Governo de Sergipe

PUBLICIDADE

Deixe uma resposta