Vereador Ricardo Marques paga 250% a mais pela mesma consultoria contratada pelo senador Alessandro

Foto: Reprodução/Banco de Imagens/SDCEV

O vereador Ricardo Marques (Cidadania) utilizou, em janeiro e fevereiro, cerca de 70% da verba concedida pela Câmara de Aracaju para o exercício da atividade parlamentar, a VAEP, para bancar uma consultoria jurídica. O serviço foi prestado por José Edmilson da Silva Junior – Sociedade Individual de Advocacia, por R$ 8.700,00 mensal.

Presidente do diretório estadual do Cidadania, o senador Alessandro Vieira contratou o mesmo serviço de consultoria jurídica prestado pelo escritório do advogado José Edmilson da Silva Junior. Entretanto, Alessandro pagou, no mesmo período, R$ 2.500,00 mensal.

A diferença de valores pagos pelos parlamentares do Cidadania pelos serviços de consultoria jurídica contratos ao mesmo advogado é de quase 250%.

O senador Alessandro declara que o escritório de José Edmilson presta-lhe, dentre outros serviços, orientação jurídica e auxílio na elaboração de projetos legislativos e de relatórios, além de aconselhamento de pautas com conteúdo substancialmente jurídico.

Ricardo Marques, porém, apesar de pagar 3,5 vezes mais pela mesma consultoria jurídica contratada pelo presidente do seu partido, ainda não apresentou à Câmara de Aracaju nenhum projeto de lei ou algo que justifique a exorbitância do gasto com assessoria jurídica.

Fonte: Imprensa 24h

PUBLICIDADE

Deixe uma resposta