Acusado de homicídio é julgado e condenado a 15 anos de prisão em Simão Dias

Foto: GOV/SE

Na última quinta-feira, 05, ocorreu nas dependências do Fórum Governador Marcelo Déda, em Simão Dias, o júri que teve como réu Devid de Jesus Pires, 23 anos, acusado de homicídio por arma branca, em fato ocorrido em novembro de 2019, no conjunto José Fraga Matos.

No dia 15 de novembro de 2019, nas imediações da praça do “Conjunto de Abel”, Devid e um menor desferiram diversos golpes de faca contra a vítima José Anderson da Conceição de Melo, 27 anos, o “Toquinho”, que dois dias depois do ocorrido veio a óbito no Hospital de Urgência de Sergipe em decorrência das lesões sofridas.  

Naquela ocasião, o delegado Clever Farias relatava para a imprensa que o crime foi motivado por desentendimentos referentes a uma rede de um dos gols do campo de futebol. O adolescente foi apreendido em flagrante por policiais militares nas proximidades do local do fato, em poder de uma faca; enquanto Devid foi preso no povoado Mato Verde, município de Simão Dias. Ambos os envolvidos confessaram a prática delitiva.

No julgamento, os jurados reconheceram que o réu Devid de Jesus Pires foi o autor das facadas que vitimaram José Anderson da Conceição de Melo, condenando-lhe à pena de quinze anos de reclusão.

Fonte: Edelson Freitas

Deixe uma resposta