Sindicato dos professores de Sergipe mantém greve contra o retorno das aulas presenciais

Foto: Reinaldo Valverde/SDCEV (Colégio Milton Dortas/Simão Dias/SE)

Os professores e professoras das redes municipais (dos 74 municípios filiados ao Sintese, Aracaju é filiada ao Sindipema) e estadual decidiram em assembleia unificada realizada nesta quarta, dia 11, que vão manter a greve em defesa da vida iniciada no dia 10 de maio.

“Os professores e professoras continuam em greve em defesa da vida e só voltaremos quando as condições mínimas forem garantidas que são elas: imunização completa dos trabalhadores da educação, condições pedagógicas e sanitárias das escolas. Enquanto isso não for garantido permaneceremos em greve.”, afirmou a presidenta do SINTESE, Ivonete Cruz.

Vale lembrar que os professores e professoras seguem ministrando aulas de forma remota.

No dia 18 o magistério se engaja na luta dos servidores públicos contra a reforma administrativa e em defesa dos serviços públicos. Pela manhã terá ato a partir das 8h em frente à Assembleia Legislativa, pela revogação do desconto de 14% nas aposentadorias e pensão. e às 15h ato com concentração na Praça General Valadão.

Fonte: Sindicato dos Professores de Sergipe

Deixe uma resposta