Projeto de lei do Prefeito de Poço Verde pretende reduzir em 80% a gratificação dos diretores escolares

Um golpe contra a Gestão democrática. Assim o SINTESE avalia o Projeto de Lei enviado pelo prefeito, Iggor Oliveira, a câmara de vereadores de Poço Verde.

O Projeto pretende reduzir em 80% a gratificação de diretores e diretoras de escolas da rede municipal de ensino, que foram escolhidos pelas comunidades escolares, a exercer tal cargo, a partir da gestão democrática.

Diante da situação, professores e professoras farão vigília, na câmara de vereadores de Poço Verde, nesta segunda-feira, 29.

 “Esse Projeto de Lei é absurdo. Compreendemos isso como um ataque direto a política da gestão democrática, uma vez que torna desestimulante aos professores estarem acendendo e concorrendo ao cargo. Esperamos que os vereadores de Poço Verde entendam a gravidade, e o quão danoso é esse projeto, e não o aprovem. Não podemos retroceder com relação à gestão democrática em Poço Verde”, coloca o diretor do Departamento de Bases Municipais do SINTESE, Benizário Júnior.

Fonte: SINTESE

» Acompanhe nossas noticias pelo Instagram e Facebook

Aço Paris

Deixe um comentário