PF investiga fraude em benefício previdenciário em Sergipe

A Polícia Federal cumpriu na manhã desta terça-feira, 19, um mandado de busca e apreensão, expedido pela 6° Vara da Justiça Federal/SE.

De acordo com a PF, o objetivo é coletar provas para uma investigação que apura a utilização de um documento falsificado para a manutenção indevida de um benefício previdenciário.

Ainda segundo a Polícia Federal, o benefício era pago de forma indevida desde 2018 e será suspenso para nova avaliação de adimplemento dos critérios de manutenção pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

O crime de estelionato previdenciário prevê pena que pode passar de seis anos de reclusão.

Com informações da PF/SE

Aço Paris

Deixe um comentário