A História do sergipano Gênisson Lima: De catador de materiais recicláveis ao doutorado em meio ambiente

Assim como milhões de brasileiros, Gênisson Lima de Almeida tira seu sustento do subemprego (carrego de feiras) e coleta de materiais recicláveis (latinhas de refrigerante e cerveja).

As adversidades, no entanto, não fizeram o sergipano de 26 anos desistir dos seus objetivos. Filho de pais analfabetos e natural de Nossa Senhora Aparecida, Gênisson resolveu ser protagonista da própria história.

Com o dinheiro arrecadado, investiu nos estudos e, assim, conseguiu chegar à Universidade Federal de Sergipe, onde formou-se em Geografia Bacharelado no ano de 2015.

Mas, para quem pensa que essa história se encerrou, puro engano. Com muita determinação vieram a graduação em Licenciatura no curso de Geografia e o Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente, ambos no ano de 2016 na UFS e, mais recentemente, o Doutorado também em Desenvolvimento e Meio Ambiente, o qual teve início em 2020 na instituição de ensino citada anteriormente.

Por Isto é Aracaju

Deixe uma resposta