O governador da Bahia Rui Costa pretende ampliar ainda mais as restrições na Bahia

O governador da Bahia, Rui Costa, declarou ontem, quinta-feira (18), em entrevista à BandNews que o toque de recolher ainda não é definitivo podendo este ser ampliado, restringindo ainda mais os horários de funcionamento dos estabelecimentos comerciais e circulação de pessoas, isso poderá ocorrer se os índices da Covid-19 não baixarem no Estado.

Os índices mencionados pelo governador se trata da taxa de contaminação, mortalidade e ocupação dos leitos nos hospitais, sobretudo das UTI’s.

Rui Costa foi além declarando que atividades não essenciais também podem ser fechadas se o sistema de saúde chegar ao limite, ou seja, um fechamento quase que total da atividade comercial deixando apenas as essenciais como supermercados, postos de combustíveis e farmácias.

Rui Costa ressaltou que ainda não é hora de relaxar porque já existe na Bahia novas variantes do coronavírus em circulação, por isso os cuidados devem continuar. O mesmo ainda disse que apenas 2% população foi vacinada e assim é uma taxa de imunização muito baixa e insuficiente para a volta da “vida normal”.

Por Reinaldo Valverde/SimaoDiasComoEuVejo.com.br

PUBLICIDADE

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta